terça-feira, fevereiro 03, 2009

Fracassos

Um cientista que faz pesquisa experimental me disse que aprende mais com seus erros do que com seus acertos.

Em minha vida, acumulei vários fracassos profissionais. Retumbantes e veementes fracassos.

Certa feita, falhei em um teste de datilografia. Era para uma vaga no departamento de contabilidade de uma agência de publicidade, então conhecida como Norton. E eu queria trabalhar na criação.

Noutra ocasião, fui gongado num teste para roteirista free lancer de gibis da Mônica. Tomei uma coelhada.

A vida avançou, meu horizontes se ampliaram, amadureci.

Vou tentar agora fazer roteiros para aquela agência de publicidade.

E ver se lá no departamento de contabilidade do estúdio do Maurício de Sousa precisam de datilógrafo free-lancer.

Nenhum comentário: